28 de setembro de 2006

TENTAÇÃO


Não há mais
motivo para recuar,
afinal, reconsiderar seria
o recomeçar de uma nova ilusão.

Para que procurar novamente
as noites de insônias,
assistindo o balé das horas
sapateando a memória.

Qual o motivo de retornar,
se o princípio da realidade
seria tentar
encontrar o que não existe.

Não há mais solução,
pois, o que ainda subsiste,
é o estrugir
de velhas mentiras,
todas elas, devorando
os extensos dias...

O sonho quase aconteceu,
mas, para felicidade geral,
ele morreu,
e, agora, só resta esperar
que nossas pegadas sejam
destruídas pelas
as águas do mar ...

(Wilson de Oliveira Carvalho)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo carinho da tua visita.