13 de janeiro de 2008


Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares.


É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos.


(Fernando Pessoa)

5 comentários:

  1. tenho saudades de viajar contigo
    pelos caminhos do sonho
    com os olhos no mar
    e na luz do teu olhar…

    tenho saudades
    de te sonhar

    BB

    ResponderEliminar
  2. Hummmmm,
    quanta nostalgia...
    ou será alguma tristeza?
    hummm talvez tempo de renovação?!
    Vamos indo e vamos vendo!!!

    Boa semana

    beijão grande

    ResponderEliminar
  3. há sempre que ousar ...

    acho que vale sempre a pena ...


    beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
  4. Há sempre um tempo "certo" para tudo - a dificuldade está em conseguir determinar o quando. O "timming" é das coisa mais importantes na vida: quando tomamso consciência de que deveríamos ter feito, já é tarde...
    boa semana...a música é uma delícia
    bjokas
    Maverick

    ResponderEliminar
  5. Olá Cristina, me desculpe a ousadia da entrada mas o ocaso tem destas coisas.
    Belo poema...Exelente imagem !
    A convido a uma visita, tá ?
    Beijos

    ResponderEliminar

Obrigada pelo carinho da tua visita.