1 de junho de 2015

Fim de um ciclo!!!





Nunca se sabe quando chega o fim a não ser quando ele chega na realidade.
Pois foi o que aconteceu.
O ciclo fechou-se.
Senti-o com todas as letras que compõem a palavra FIM.
Bateu-me uma tristeza profunda.
Acho que é sempre assim quando alguma coisa acaba!

Um dia escrevi:

“Dentro de mim choro
Não a tua morte
Que não morreste em mim
Mas a morte de mim em ti”

Hoje escrevo:

"Dentro de mim choro
Não a minha morte em ti
Mas a tua morte dentro de mim
E é com toda a tristeza que me curvo
Diante da doce lembrança
Do que um dia foi…"

Esta sim, ficará para sempre...


 
 
 

2 comentários:

Obrigada pelo carinho da tua visita.