28 de novembro de 2015

Where did I go wrong?





Where did I go wrong,
I lost a friend somewhere along in the bitterness.
And I would have stayed up with you all night,
had I known how to save a life.” 



How to save a life?

Pergunto ao espelho olhando nos olhos do meu reflexo.

Como salvar-me das garras acutilantes do amor?

Como salvar-me da chama dessa paixão que no fim de tantos anos ainda me consome?

Como libertar-me da dor do esquecimento?

Como aceitar que depois de já ter sido um feixe de luz, só reste cinza em tudo aquilo que sou?

Só tu tens a vacina para curar esta enfermidade, só de ti vem o antídoto que pode trazer-me novamente à vida. 

Só no teu beijo encontro a respiração que insufla a minha esperança de vida, só nas tuas mãos encontro a bússola que me faz descobrir o trilho a seguir, só nos teus olhos encontro a luz que servem de farol às minhas travessias e só no teu sorriso sedutor encontro a felicidade para o meu caminho.

Where did I go wrong?

Qual das minhas palavras te feriu?

Qual dos meus beijos te amargou a boca?

Qual das minhas ações te afastou de mim?

Quando é que deixei de ser bonita aos teus olhos?

Quando é que o teu coração se encantou por outra mulher?

Quando é que eu deixei de ser suficiente?

How to save (my) life?

O tempo ajudar-me-á a encontrar a resposta, não vai ser hoje, não vai ser amanhã, não sei se será nesta vida, mas o tempo encontrará a chave que vai abrir o caminho, ao meu sorriso novamente.



3 comentários:

  1. Se não aconteceu é porque não tinha que acontecer.
    Quando falta a química é assim.
    Boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Pedro, bom dia até Macau.

      Nem sempre é falta de química, sabes, a maldade humana revela-se de muitas formas.

      Beijinho e uma feliz semana

      Eliminar
  2. Quando fomos criança tudo estava certo. O futuro era previsível, as estrelas eram eternas e as guerras e outras dores do mundo ficavam tão longe e pareciam tão escassas que dificilmente provocariam o mais pequeno arranhão no nosso sorriso.
    Se ser adulto é ver mais longe e sentir mais perto o que está distante, é trazer também nuvens nos meus olhos e carregar incertezas maiores. Algumas, quiçá, sem solução…

    ResponderEliminar

Obrigada pelo carinho da tua visita.